terça-feira, 6 de junho de 2017

TĂCEREA

 







                 





                                             Como é bom poder falar tudo o que se quer, sem preocupação de que ninguém o denuncie por suas ideias. Quantas pessoas não morreram pela palavra. Sócrates, morreu disto. Condenado a escolher entre cortar-se-lhe a língua ou a morte ,escolheu esta porque entre duas coisas, uma que  eu sei ser horrível, que é viver sem poder passar meus conhecimentos adiante. A outra que eu não conheço, que é a morte, escolho pois o desconhecido.
                              Mais perto de nós Giordano Bruno. Queimado vivo. A Igreja católica, e olha que ele era cristão, dominicano. Acusação: Atacar a Santíssima Trindade, a divindade de Cristo, a encarnação, a virgindade de Maria e outras heresias.  
                              Silêncio, a pior das condenações, por isto muitos preferem morrer a calar. Falem mal de mim, mas falem, não me ignorem, matem-me, odeio o ostracismo. Em todo caso, asculta parerea tutoror, dar fa numai ce crezi tu ca e mai bine pentru tine.
                             

Nenhum comentário:

Postar um comentário

                                                       Repetir nunca é demais. No nosso caso, o silêncio é a ...